O Blog do Junior tem como objetivo poder partilhar o conhecimento e aprender com as experiências de cada pessoa.

domingo, 28 de março de 2010

Reflexão de Aniversário!

No início desta semana foi o meu aniversário e por este motivo, resolvi fazer um texto em comemoração a este evento que infelizmente só ocorre uma vez a cada ano.

Bom, como meu aniversário foi nesta semana, acabei fazendo uma retrospectiva da minha vida mentalmente, sempre gosto de lembrar o passar dos anos avaliando como aproveitei o ano e se me sai bem ao enfrentar os desafios que me foram propostos neste período. Escrevo este texto a título de desabafo, e não, apenas, como uma simples reflexão...

Nestes meus 21 anos de vida posso e devo ressaltar o que de mais importante tenho na vida: meus amigos! Tive certeza no ano passado que tenho ótimos amigos, na verdade, acho que tenho os melhores que existem. Mesmo que eu não tenha sido um bom amigo, quando eu precisei eles foram os melhores, não me deixaram um segundo sequer sozinho, estiveram ao meu lado a todo o momento, mesmo que não tivessem nada a fazer por mim, simplesmente estavam ao meu lado. Porque como eles dizem, amigo é isso, é aquela pessoa que esta no lugar certo na hora certa sempre! E os meus amigos são assim! São simplesmente perfeitos!

Outra coisa que posso me vangloriar esta relacionada a tudo que consegui aprender com a vida, ou mesmo o que consegui adquirir a partir de minhas experiências de vida. Acho que aprendi a respeitar as pessoas, a ter amor ao próximo, a errar, acertar, chorar, sorrir, mas o que mais aprendi foi a fazer todas essas coisas com a cabeça erguida.

Acho que no último ano, a melhor lição que tive foi a de manter a cabeça erguida, não importa o que aconteça, levante a cabeça e siga enfrente. Por mais que você ache que não tenha força para se levantar após uma queda, acredite que você consegue. Pois, só assim conseguirá levantar-se. Não importa o que digam ou façam com você. Sempre existe uma oportunidade de recomeçar e de concertar os erros cometidos. Não lamente-se pelo passado, aprenda simplesmente com ele, e não cometa os mesmos erros novamente. A vida é assim, feita de erros e acertos. Só assim conseguimos aprender, e nos tornar pessoas melhores.

Outra coisa que aprendi, no ano que passou, foi que não importa o quanto uma pessoa diga que gosta de você, o mais importante são as suas atitudes, palavras muitas vezes não dizem nada. Gesto e demonstrações de afeto muitas vezes dizem muito mais do que milhões de palavras. Mais uma coisa que não posso deixar de citar é o seguinte: antes de gostar de alguém, goste primeiramente de você. Nenhum amor vale mais que o amor próprio. A única pessoa que vai estar ao seu lado em todos os momentos da sua vida é você mesmo. Portanto, a pessoa mais amada da sua vida tem e deve ser você mesmo! Não esqueçam disso nunca! Este é o melhor conselho que lhes dou hoje. Acreditem, aprendi isso da pior forma possível.

Não sei se vocês já pararam e se perguntaram, por que os mais velhos têm tanto a nos ensinar? Talvez seja porque a experiência de vida e a oportunidade de errar e acertar tenha feito com que eles se tornassem pessoas melhores. Acho que a palavra certa para definir a idade de uma pessoa não é simplesmente o tempo em que ela viveu e sim a EXPERIÊNCIA que ela adquiriu. Confesso que gostaria de ter adquirido mais EXPERIÊNCIA durante a minha existência, mas vou me esforçar mais este ano para conseguir isto.

Bom, para encerrar, quero terminar minha pequena reflexão deixando uma mensagem para todos pensarem: “Os anos que já vivemos não voltam mais, eles se foram e o que nos deixaram foi à experiência de ter vivido. Assim sendo, lembrem-se do passado com carinho, olhem para trás sempre que necessário, mas foquem-se no futuro, mirem os anos que ainda temos, e use o tempo da melhor forma possível, a vida é breve, portanto, aproveitem cada segundo para que quando chegue a hora de partir você tenha a certeza no coração de que foi maravilhoso estar aqui e que valeu apena cada segundo que estivemos aqui. Sejam felizes hoje, não deixem isso para amanhã, porque infelizmente pode ser que o amanhã não exista mais.”

Um beijo no coração de cada um e obrigado por terem lido este texto!

domingo, 21 de março de 2010

Que falta faz!

Hoje quero falar sobre a falta de ídolos que nosso país passa. Toda nação necessita de pessoas que fazem a diferença e acabam tornando-se ídolos e levando um pouco de esperança para dentro de cada lar.
Bom, hoje, como todos deveriam saber, um dos maiores ídolos do esporte brasileiro completaria 50 anos de idade, se não tivesse tido sua bela carreira interrompida há 16 anos, enquanto corria no autódromo Enzo e Dino Ferrari, em Ímola, durante o Grande Prêmio de San Marino de 1994. É claro que estou falando do grande mestre do esporte Ayrton Senna “do Brasil”. Utilizo aqui a expressão “do Brasil” porque ele era nosso. Era de toda uma nação.
Este homem, levou durante muitos anos alegria aos corações de milhões de famílias, que tinham o orgulho e o prazer de acompanhar, nos domingos de manhã, as corridas de Fórmula 1. Mesmo quando não ganhava, dava sempre uma lição de vida, mostrando que mesmo perdendo devemos dar o melhor de nós. Senna não foi apenas um gênio do esporte nacional, como cidadão, sempre se mostrou muito responsável, apoiando diversos programas sociais.
Como citei, o assunto de hoje não é apenas o nosso Senna, ele apenas serve para ilustrar a nossa falta de ídolos, toda grande nação necessita de exemplos a serem seguidos, principalmente pelas crianças. Muitos dos nossos “pequeninos” jovens inspiram-se até hoje, em mestres como Senna e almejam dias melhores.
Bom, depois de Senna, o único brasileiro que realmente levantou o podo brasileiro e fez bater mais rápido nossos corações elevando o espírito nacionalista de todos nós foi Gustavo Kuerten, mais conhecido como Guga, outro mestre do esporte.
Não falo aqui da seleção de futebol do Brasil, porque ao meu ver, muitos dos jogadores ali presentes não tem moral nem ética para serem ídolos de uma nação como a nossa. Explico minha opinião citando o caso de Ronaldo “o Fenômeno”, mais conhecido hoje como Ronaldo “o Gordo”, que se envolveu em um escândalo com travestis, há alguns anos atrás. Não quero aqui julgar uma carreira inteira por um único episódio, também reconheço o lado bom do Ronaldo, ele é um cara que também se preocupa com as questões sociais, é até embaixador da ONU.
Para esclarecer melhor o motivo de não exaltar a seleção brasileira de futebol vou utilizar o caso Adriano. Gente, o Adriano não pode ser ídolo de ninguém, ele é um cara que tem problemas claros com a bebida, vive brigando com a noiva, faz o que quer no Flamengo, chega atrasado, falta ao treinamento e ainda é amado pela “nação rubro-negra”. Este definitivamente é o fim do mundo, me explique como este rapaz consegue ser amado? Ele, até pode fazer gols decisivos, mas não é exemplo de nada para ninguém!
É claro que a seleção de futebol já deu muita alegria aos brasileiros, e tenho certeza que ainda dará muito mais. Porém, precisa ter exemplos de homens a serem seguidos como o Kaká, que é um cara que não se envolve em escândalos, a não ser quando resolve doar seu troféu de melhor do mundo para a Igreja que freqüenta, mas tudo bem, isto não é um crime, não é algo que desabone sua conduta, é apenas a sua fé. E neste ponto, acho que todos temos que respeitar sua atitude. A fé é algo inerente da pessoa e que, portanto, faz parte de seu interior e não nos confere direito de intervir.
Enfim, quando será que a fábrica de “gênios” vai voltar a funcionar? Precisamos de outros para que possamos crescer como nação e para que nossos dias sejam mais felizes. Nosso povo é muito sofrido, mas por alguns estantes quando vemos nossos “mestres” em ação acabamos nos esquecendo de todo o sofrimento e temos momentos de êxtase e de extrema esperança em um amanhã melhor.

Para terminar, posto aqui um video falando um pouco sobre Senna.
Senna, você vai sempre ser lembrado por todo brasileiro! Obrigado por tudo e principalmente pelo exemplo de vida!

sábado, 13 de março de 2010

Pensar Enlouquece?!

Estou começando a acreditar que pensar enlouquece. Acho que é por este motivo que o mundo não pensa, ou será por mera preguiça? Prefiro acreditar que é por enlouquecer mesmo, porque se a preguiça for à culpada estamos perdidos.

Bom, pelo visto, o mundo já se esqueceu da época das trevas, onde pensar era quase um crime. Muitos não devem nem se lembrar da época da luz, liderada pelos Iluministas. Dizem os grandes filósofos e pensadores que toda dinâmica da sociedade é cíclica, então acredito que estamos em um momento de mudanças e que estamos deixando de ser iluminados e voltando para as sombras ou pelo menos estamos deixando de ser pensadores para sermos meros observadores.

Vocês devem estar se perguntando o motivo do título do texto né? Vou explicar para vocês. Acordei hoje e a primeira coisa que vi no meu e-mail foi um vídeo sobre a infância de Albert Einstein, e nele, o grande gênio da ciência prova para seu professor que Deus existe e não é o responsável pelas grandes bobagens que o homem faz. Para muitos, ciência e Deus caminhão em lados opostos, mas para o maior gênio que a humanidade conheceu isto não é verdade. Ele prova, através de seu conhecimento, que seu mestre estava errado ao supor que, se Deus existe ele é uma pessoa má.



A geração de Einstein o considerou um louco por muito tempo, mas no final teve que reconhecer sua genialidade. E assim acontece com muitos, primeiro são vistos como loucos e depois tem o reconhecimento que mereciam, muitas vezes isto só acontece depois de sua morte. Contudo, vale à pena pensar, mesmo que sejamos vistos como loucos, pois, só assim, o mundo cresce e evolui. Quando disse no inicio do texto que o mundo está com preguiça de pensar me referi ao fato de não encontrar muitos “loucos” em nossa sociedade. Infelizmente este fato é real e é muito triste. Hoje, temos muita tecnologia, mas de nada adiante se não tivermos “loucos” para utilizarem ela para nosso benefício não me refiro apenas a conforto e qualidade de vida, me refiro também a preservação de nosso planeta dentre outras coisas mais.

Encerro pedindo a Deus que mande mais loucos para a Terra. Acredito que dessa forma o mundo não vai se resumir a um planeta cheio de pessoas que apenas vivem e não evoluem, e muito menos fazem a diferença.

“A leitura após certa idade distrai excessivamente o espírito humano das suas reflexões criadoras. Todo homem que lê de mais e usa o cérebro de menos adquiri a preguiça de pensar” – Albert Einstein

segunda-feira, 8 de março de 2010

WE ARE THE WORLD

Hoje quero falar um pouquinho sobre uma linda música, que sempre tocou o meu coração e que agora está na mídia novamente após sofrer uma nova regravação. É claro que estou falando de WE ARE THE WORLD, música composta pelo saudoso e injustiçado (no meu ponto de vista) Michael Jackson e Lionel Richie.

Bom, quem acompanha o meu Blog provavelmente deve saber que está é uma de minhas músicas preferidas porque além de linda tem um lado politico muito forte por trás dela. Acho que todo mundo deve saber o motivo pelo qual ela foi gravada nos anos 80, ou pelo menos deveria saber né? Bom para quem não sabe ela foi gravada no intúito de ajudar milhões de pessoas na Africa, que passavam fome. E conseguiu arrecadar cerca de 55 milhões de dólares, dinheiro este que foi repassado as nações africanas e com certeza salvou muitas vidas.


Bom, após a morte de Michael, no ano passado, esta música voltou ao cenário mundial, principalmente após ser cantada no encerramento da cerimônia funebre do Rei do Pop, no Staples Center. Pois bem, com o grande terremoto que atingiu o Haiti este ano, surgiu a idéia de regravar esta linda música com o intúito de ajudar o povo haitiano a reconstruir sua nação. A nova versão também é um sucesso e reune os grandes nomes da música americana atual.


Espero sinceramente que esta música faça sucesso novamente, não só para ajudar o povo haitiano que tanto merece e precisa, mas também para tocar o coração de nossos governantes e de toda a população. Pessoal, temos que acordar NÓS SOMOS O MUNDO, e o futuro só depende de nós... vamos construir o amanhã hoje!


Um grande abraço a todos!

Um dia você aprende...

Mais uma mensagem para reflexão...

Uma das mais belas que já vi! Por este motivo não vou nem me estender muito, acho que o video fala por si só!

Este video me ajudou muito quando precisei. Assisti ele cerca de 1o vezes em um único dia, durante um momento muito triste da minha vida, ele foi o combustível da minha alma, e me deu muita força para enfrentar o maior desafio que me foi imposto pela vida!



Um forte abraço a todos!

domingo, 7 de março de 2010

O Jovem de Hoje!

Bom, o primeiro assunto que quero colocar aqui esta relacionado ao modo como os jovens de hoje encaram a vida. Quero discutir nesta postagem um pouco do comportamento deles e a visão de mundo que muitos têm.

Confesso que ultimamente ando um pouco decepcionado com a juventude. Quando falo sobre a juventude não estou me excluindo deste bolo, estou apenas generalizando. Achei que a minha geração ia marcar positivamente o mundo, mas não é o que vejo.

São poucos os que são capazes de conversar sobre assuntos diversos, incluindo política, situação econômica mundial, grandes catástrofes ou simplesmente as notícias do Jornal Nacional. Este fato muito me entristece, e deve entristecer mais ainda nossos pais. Pois, a juventude deles sim lutou e melhorou o mundo. Eles fizeram a parte deles deixando um mundo melhor para nós. Se não fossem eles ainda viveríamos em uma época de terror onde a expressão era cerceada. Certamente não poderia estar escrevendo hoje o que vocês lêem se não fossem eles. Muitos perderam suas vidas, mas entraram para a história por terem lutado pelo que achavam justo. Isto sim é um legado, que será lembrado por todos nós.

Mas retomando a minha decepção com esta juventude, vejo que nem tudo está perdido quando alguns jovens brilhantes lutam por um mundo melhor. Mas estes são a minoria e não chegam a fazer grande fumaça que possa ser vista pelos outros.

O que vejo hoje são jovens cada vez mais limitados, sem vontade própria e sem motivação para lutar e vencer na vida. Quando digo lutar não me refiro à revoltas, nem mesmo guerras ou algo do tipo. Quero me referir à grande luta do dia-a-dia, luta essa que engloba as adversidades e os desafios diários. Muitos só querem saber sobre o que está na moda ou se um novo modelo de Ipod será lançado. Não sou contra as novas tecnologias nem as grandes empresas, porém questiono até quando o jovem será vazio. As pessoas não querem mais saber sobre o mundo querem apenas viver suas medíocres vidas, ignorando tudo que esta ao seu redor. Será este o modelo de vida do século 21? Será que estamos fadados a ser meros personagens coadjuvantes em nossas vidas? Pois bem, acredito que infelizmente isto irá acontecer com muitos.

Minha revolta não para com a simples indiferença que o jovem tem com o mundo. Fico também chateado quando vejo muitos jovens desperdiçarem suas vidas bebendo e usando as mais variadas drogas. E quando digo isto não me refiro apenas aos jovens das classes baixas, que muitas vezes não tiveram oportunidades na vida e que acabaram por trilhar os caminhos mais difíceis. Me refiro também, aos jovens das classes mais altas. E a minha tristeza é ainda maior com estes, pois com certeza, tiveram a opção de trilhar outros caminhos que não o das drogas. Dói muito dizer isto, pois vejo essa realidade todos os dias. Trabalho em um centro especializado em atender pacientes intoxicados, e, quase todos os dias, recebo pacientes jovens e muitas vezes ricos, que acabam por exagerar nas doses das drogas e passam mal, algumas vezes acabam morrendo.

A juventude encara a vida como uma grande micareta, acham que tudo se resume a festas e baladas. Mas a vida não é só isso. Temos que lembrar que vivemos em sociedade e que não estaremos aqui para sempre. Somos mortais, temos que nos divertir sim, mas com moderação. Tudo na vida tem seu tempo e sua hora. Só que o jovem de hoje é imediatista. Quer tudo do seu jeito e na mesma hora. Não importa se vai prejudicar alguém ou a ele mesmo. Talvez seja por este motivo que vemos a banalização da violência e outros problemas que atingem a sociedade moderna.

Infelizmente acho que estamos fadados ao fracasso se não mudarmos a juventude de hoje. Reparo nas adolescentes de agora e todos os seus assuntos são fúteis e quase sempre inúteis. Será que elas são vítimas de uma sociedade marcada pela propaganda ou simplesmente não quiseram questionar o mundo que está ao seu redor?

Conto com todos vocês para pensarmos a respeito das idéias que aqui expus. Não estou escrevendo porque quero mudar o mundo ou a forma que as pessoas vêem o mundo, queria apenas construir uma sociedade melhor, mais justa, mais igual e mais politizada. Na verdade gostaria mesmo de colocar uma dúvida na cabeça de cada um, pois o mundo só chegou onde está a partir de perguntas. Não foram as respostas que mudaram o mundo. Foram sim as perguntas que levaram a estas respostas. Vamos dar valor à maior dádiva do ser humano: Vamos pensar!

Como tudo começou...

Acho que na primeira postagem do blog deveria falar um pouquinho do que me motivou a criar este espaço.

Tudo surgiu a partir de conversas com algumas pessoas de meu convívio que me estimularam a escrever pequenos textos sobre a minha visão de mundo. Depois que comecei a escrever senti vontade de partilhar um pouco de tudo isso com as pessoas do mundo. Foi então que surgiu a idéia do blog que é um meio globalmente aceito de comunicação capaz de atingir os diversos países e continentes. Assim nasceu este espaço que começa bem pequeno, mas que pretende tocar o coração de cada um que ler as linhas que aqui serão escritas. Espero poder passar mensagens de motivação e principalmente levar todos a fazerem reflexões depois que lerem cada texto que aqui será publicado.

Antes de encerrar quero acrescentar que, as atualizações, serão feitas sempre que possível, mas peço a compreensão de cada um, pois sou um mero estudante de medicina me aventurando neste mundo. Infelizmente não tenho muito tempo para dedicar a este sonho, mas sempre que tiver uma hora vaga estarei aqui.

Então, um grande abraço a todos e vivam este sonho comigo...